Conteúdo Teen
Leia artigos ou estudos selecionados para você, adolescente da UNAADEB
Sexta, 26 Maio 2017 13:20

O uso do WhatsApp pelo cristão

Avalie este item
(0 votos)

“Fufifufufo...” E aí crente? Teu telefone já assoviou quantas vezes, hoje? Já perdeu as contas, né? Sai desse WhatsApp crente!!!! Rsrsrsrs...

Pois é, o WhatsApp Messenger, é um aplicativo multiplataforma de mensagens instantâneas e chamadas de voz para smartphones. Além de mensagens de texto, os usuários podem enviar imagens, vídeos, mensagens de áudio de mídia e na nova atualização, podem ligar para qualquer contato de sua agenda que possua WhatsApp.

O aplicativo é o mais popular do momento e é quase impossível encontrar algum jovem ou adolescente que não utiliza o ZapZap, apelido pelo qual ficou conhecido popularmente. Na verdade, até aí não tem problema algum, pelo contrário, a facilidade de uso, popularidade e utilidade do aplicativo tem o tornado ferramenta indispensável para comunicação entre amigos e para formação de grupos sociais afins tais como escola, família, trabalho e até mesmo na igreja.

Até o momento nenhum problema, certo? Mas a utilização de forma indiscriminada e inconsequente já tem tornado o aplicativo uma preocupação e ameaça. Misericórdia! Algumas escolas e locais de trabalho já proibiram o uso do aplicativo durante suas atividades. O uso inoportuno já tem causado graves acidentes de trânsito, inclusive trágicos e fatais.

Mas a nossa preocupação, galera, é como você adolescente e jovem cristão tem utilizado essa ferramenta de interação. Cuidado para isso não afetar sua vida espiritual. E não me venha falar que é radicalismo falar sobre os perigos do uso do aplicativo, pois não é preciso muito esforço para perceber que a danosidade que pode advir de seu uso inadequado. Quer alguns exemplos? Então vamos lá. A fofoca e dissensão na igreja. A circulação de conteúdos pornográficos. O uso exagerado, trazendo prejuízo na escola, no relacionamento familiar e principalmente em sua vida devocional. Sem contar os problemas de casais que já estão se separando por problemas relacionados ao uso do aplicativo.

Já ouvi, e tenho certeza que você também já ouviu comentários e mensagens de pregadores que dizem: “Deus queria que você dedicasse a Ele o mesmo tempo que dedica a seu celular”. “Ah... se você orasse e falasse com Deus tanto quanto fala no WhatsApp”. Dá só uma conferida nos vídeos abaixo. Rsrsrsrs...

Meu desejo é que você saiba aproveitar bem esse aplicativo que, sem dúvida, é muito útil, desde que utilizado de forma adequada. Portanto te deixo os seguintes conselhos bíblicos: Nenhum servo pode servir dois senhores; porque, ou há de odiar um e amar o outro, ou se há de chegar a um e desprezar o outro (Lc 16.13); E Jesus disse-lhe: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento (Mt 22.37); Não porei coisa má diante dos meus olhos. Odeio a obra daqueles que se desviam; não se me pegará a mim (Sl 101.3); Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu (Ec 3.1); Para que não haja divisão no corpo, mas antes tenham os membros igual cuidado uns dos outros (1 Co 12.25).

Graça e paz!

 

Ler 3692 vezes